Dicas para uma boa redação

Hoje resolvi falar sobre um assunto que assombra muitos estudantes: a redação. Você tem dúvidas de como fazer uma redação boa e correta? Sabe como começar e como finalizar uma redação de qualidade? Não? Então fique por aqui que vou te dar as melhores dicas e te mostrar os melhores erros que cometemos ao fazer uma redação.

Erros mais comuns em redação

Redação Nota 10

Confira abaixo quais são os principais erros que cometemos ao fazer uma redação.

TIPO DE TEXTO: a prova pede uma dissertação e você acaba fazendo uma narração. Ou é pedida uma narração e você redige uma carta. Essa falta de atenção pode custar muito caro, já que escrever um tipo de texto diferente do que foi pedido é zero na certa.

FUGA DO TEMA: escrever uma redação que foge do tema proposto também pode levar à anulação da redação. Por isso, leia com bastante atenção a coletânea de textos e o enunciado. Tome muito cuidado para não se perder em divagações que nada têm a ver com o que foi apresentado. Seja firme e direto na defesa de sua tese.

LINGUAGEM ORAL: nem sempre é viável utilizar em texto a mesma linguagem que usamos para conversar. Expressões que usamos no dia a dia não devem ser usadas em uma redação, o cuidado especial deve ser com as tão usadas gírias.

LINGUAGEM REBUSCADA: não precisa usar palavras rebuscadas, tente ser natural. Não se esqueça: não é porque você está utilizando uma  linguagem complicada que isso vai aumentar sua nota. Procure utilizar uma linguagem formal com fluência e clareza.

TIPO DE TEXTO: erros básicos de português não têm perdão. “Fazem muitos anos” e “há nove anos atrás” são deslizes graves numa redação. Na dúvida quando a grafia correta ou à aplicação de uma regra gramatical, substitua a palavra por outra ou refaça-a totalmente.

CLICHÊS: fuja dos clichês. Sabe aquelas expressões que conhecemos bem, como por exemplo: “colocar tudo em pratos limpos” ou “fechar com chave de ouro” devem ser evitadas na redação. Procure fugir de frases feitas, elas geralmente construídas a partir de ideias estereotipadas, e isso pode fazer com que sua redação tenha nota menor por falta de originalidade.

PANFLETAGEM: Evite usar termos como “devemos nos unir!”, esse tipo de ideia é muito frágil. O ideal é que você organize seus argumentos e faça com que os leitores consigam chegar às suas próprias conclusões, sem forçar a amizade, ok?

CITAÇÕES: bem empregadas, podem enriquecer o texto, mas devem ser usadas com bastante cuidado. Evite aquelas expressões batidas, como “Só sei que nada sei”, de Sócrates. Outro erro comum é utilizar as citações fora de contexto, sem que tenham uma relação afetiva com o texto.

EXCESSO DE INFORMAÇÕES: uma quantidade excessiva de informações pode prejudicar a coesão do texto, com dados que mais confundem do que explicam. Seja seletivo e use argumentos corretos.

REDUNDÂNCIA: sabe aqueles textos enormes, cheio de palavras repetidas? Não use! Ideias que não saem do lugar costumam se dar mal nos processos. Lembre-se que a redundância revela sua falta de repertório. Não se esqueça que seu texto tem de caminhar em alguma direção.

Dicas para fazer uma boa redação

  • Entenda o tema: é preciso analisar a proposta da redação e ver qual a importância no cenário atual
  • Não seja óbvio: escrever pontos óbvios deixa a redação chata e sem criatividade
  • Texto enxuto: não escreva coisas que não estão relacionadas ao tema. A redação precisa ter períodos curtos para ficarmais clara e fácil de ler
  • Solução: não se esqueça que a redação tem o objetivo de solucionar algo, então, na conclusão você precisa avaliar e ver quais serão as soluções para o tema abordado
  • Argumentos: a redação precisa conter argumentos bem conectados.

Mais dicas em: https://twitter.com/henrique_pazin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *